Escândalo de espionagem abala favoritismo do PT da Bahia

Abalado pelo escândalo de espionagem petista comandado pelo ex-secretário da segurança pública Maurício Barbosa nos governos Rui Costa e Jaques Wagner, o PT da Bahia já não é o favorito para a sucessão estadual de 2022. Já tem pesquisa no forno que vai indicar a baixa.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: