A cada semana uma crise

O presidente Jair Bolsonaro, no final de semana, mostrou-se profundamente irritado. A mulher, Michelle, denunciada em negócios pouco republicanos com a Caixa Econômica Federal. No domingo explode o escândalo envolvendo seus dois homens da Economia: o ministro e o presidente do Banco Central. Aliás, diga-se de passagem que há algum tempo circulavam boatos em Brasília de que o ministro da Economia, Paulo Guedes, tinha negócios pouco republicanos com bancos estrangeiros. Acredite se quiser: o que Paulo Guedes tem nas suas contas de offshore lhe dá um rendimento diário de 14 mil dólares. É esse homem que pede sacrifício aos brasileiros. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: