Quem são os petistas aninhados nos bancos públicos

Incumbido de acompanhar os bancos estatais, o secretário especial da Presidência da República, almirante Flávio Rocha, monitora as indicações para cargos de chefia nessas instituições. O Planalto passará em revista também quem já ocupa essas posições. O que motivou o pente-fino foi a descoberta de que o BNB repassava quase R$ 1 bilhão por ano para que o Instituto Nordeste Cidadania (Inec), uma ONG ligada ao PT, gerisse seu programa de microcrédito, o Crediamigo. Nos últimos dias, o Planalto descobriu que havia uma situação semelhante com o microcrédito do Basa, onde o Florescer Rural ainda é administrado pela Amazoncred, outra ONG ligada ao PT.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: