Kassab quer unir Minas

O presidente do PSD, Gilberto Kassab, assim que terminou a solenidade de filiação no Memorial JK de Rodrigo Pacheco, foi claro: “Quero unir Minas.” As contas do partido são as seguintes: em 2018, Minas Gerais somava 10,65% do eleitorado do país. Se conseguir unir o mineiro em torno do seu nome, Pacheco entra na disputa do Palácio com capacidade de atrair outras forças políticas e gerar um movimento capaz de lhe dar a pole position dos pré-candidatos que pretendem quebrar a polarização entre Lula e Bolsonaro. Aliás, nas mais recentes pesquisas, tanto Lula quanto Bolsonaro perdem posição e o detalhe é que no terceiro lugar está Sérgio Moro, que somente no dia 10 de novembro vai oficializar sua candidatura à presidência da República. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: