“Quem dá na frente, leva atrás”

Esta frase é de um dos maiores empresários brasileiros. Ontem, ela era repetida reiteradas vezes no Plenário da Câmara dos Deputados, na votação da PEC dos Precatórios. PDT e PSD mudaram de posição, embora seus deputados tivessem recebido R$15 milhões para votar com o governo. Esses não têm culpa mais, e era visível a irritação do Palácio do Planalto, leia-se o chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, e o presidente da Câmara, Arthur Lira, que pagaram antecipadamente e foram surpreendidos. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: