A crise de Bolsonaro é porque o PL não entregou São Paulo ao seu filho

A irritação do presidente Bolsonaro e as discussões pelo telefone com Valdemar Costa Neto têm um motivo: ele queria São Paulo para o seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro e o PL não entregou. Não tem outro motivo. Valdemar não entrega o maior colégio eleitoral nem a Bolsonaro, nem a ninguém. Tanto isso é verdade que a ministra-chefe da Secretaria de Governo, Flávia Arruda, foi convidada para ir a Dubai e não aceitou, viajando para Portugal.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: