Brasileiros pedem socorro no exterior

São executivos de empresas brasileiras, turistas e famílias que residem na África. Ontem, o número já chegava a 400. Eles pedem socorro ao Brasil e a resposta do Itamaraty fria é esta: “Não temos voo humanitário no momento”. Enquanto isso, Michelle Bolsonaro, num jato da FAB, vai comemorar o aniversário do seu cabeleireiro em São Paulo levando irmãos, irmãs, sobrinhos, sobrinhas e amigos. É um desafio desumano.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: