Operação Faroeste volta a operar

O Presidente do STJ, ministro Humberto Martins, negou liminar no recurso que solicitava a não prorrogação da prisão preventiva de Adailton Maturino dos Santos, um dos mais atuantes na Operação Faroeste. O curioso é que, além da Bahia, ele operou também no Piauí.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: