E a quadrilha do MDB cada dia aumenta mais! 

Como se não bastasse a família metralha comandar o MDB baiano há anos, quem assinou a ficha de filiação do partido, confirmando o adágio popular de que não há nada tão ruim que não possa piorar, foi o juiz aposentado Ricardo D’Ávila. Conhecido pelo péssimo caráter, falta de urbanidade com os advogados e servidores, e bajulação extrema aos políticos de plantão, esse mau exemplo engrossa a fila do moribundo partido. Para completar a banda podre da justiça, faltou filiar-se ao partido, seu antigo colega juiz da vara da Fazenda Pública, vulgarmente conhecido como “boquinha” ou “boca mole”.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: