João Roma prometeu e não entregou

A visita, ontem, do presidente Jair Bolsonaro à Bahia foi um autêntico fracasso. Recebido com vaias de “Ei, ei, Bolsonaro vai tomar no…” o presidente da República sofreu desgastes profundos e durante toda sua permanência em Feira de Santana e Salvador foi hostilizado. O fracasso é atribuído ao ministro da Cidadania, João Roma, cuja candidatura ao governo baiano afundou. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: