Até com acarajé

A Associação das Baianas de Acarajé de Salvador teria levado ao conhecimento do Ministério Público, a revolta com os constantes achaques cobrando pedagio até mesmo na concessão de licenças para as quituteiras. Malfeitos da turma de Lucas Cardoso, que não perdoa nenhuma classe de concessionário público.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: