Caso de polícia

Nunca se deve confiar no representante de um canalha. Se o ídolo é canalha, igual índole tem o seu fã. O homem da arrecadação de Acm Neto, Alessandro Caribé, novo candidato a delatado tal como foi Lucas Cardoso da Penta Eventos, deu as caras ameaçando e intimidando explicitamente o prefeito da cidade de Catú, Narlison Borges de Sales, o popular Pequeno Sales (PTB) porque ele teria ensaiado declarar apoio ao ex-ministro do PR Jair Bolsonaro, João Roma (PL), que irá concorrer ao governo do estado da Bahia. Coleguinhas desses dois rapazotes até que tentaram que esse blog aliviasse a barra ao noticiar quem é quem no setor de arrecadação de recursos eleitorais. Caribé age no estado como se ali fosse terra sem lei. É questão de tempo e a Polícia Federal coloca as mãos nele, que tem andanças em municípios do recôncavo baiano. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: