Pastor evangélico apanhado com arma de fogo tem processo aberto

Até os pastores evangélicos do presidente Bolsonaro usam armas de fogo. O ex-ministro da Educação, que teve a arma disparada em pleno aeroporto, vai ter que responder a um processo na PF. E pensar que estes pastores evangélicos ficam pregando a paz. É brincadeira. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: