Ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão

A Gol sentiu na pele o que plantou. Ela, que assalta os passageiros na compra de passagens e no despacho de bagagens, acaba de demitir dezenas de funcionários no aeroporto de Brasília e Porto Alegre. O pessoal cobrava pelo despacho das malas e colocava o dinheiro no próprio bolso. O Senado promete acabar com isso na próxima semana proibindo a cobrança de bagagens. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: