Sem efeito III

A competição entre os grandes bancos e os FIDCs deve aumentar ainda mais quando a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) finalmente liberar uma atualização das instruções 356 e 393, que regulam os fundos. Com a atualização, que já está em audiência pública há meses, investidores de varejo poderão finalmente investir em cotas de FIDCs. Com isso, o custo de captação dos fundos deve diminuir e sua competitividade frente aos bancos aumentar ainda mais. Para isso, só resta a boa vontade da autarquia federal para diminuir o oligopólio bancário no Brasil.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: