Ex de Cunha e Geddel está mandando no governo Bolsonaro

Encarregado da relação com o Congresso, o novo ministro da Secretaria de Governo, Célio Faria, escalou o seu secretário executivo Carlos Henrique Menezes Sobral para ajudar a acelerar demandas de parlamentares no Ministério da Saúde. Para quem tem boa memória, Sobral foi assessor de Eduardo Cunha e Geddel Vieira Lima. Como se vê, Bolsonaro não pode afirmar que em seu governo não tem corrupção.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: