Qualquer semelhança é mera coincidência

Numa República vale a Constituição. Nem sempre é assim que funciona, principalmente no Brasil, onde foi cunhada a frase, “existem leis que pegam e que não pegam”. Muitos, inclusive representantes dos poderes ou instituições, se arvoram a construir desvios. Nunca deu certo em lugar nenhum, mas produziu regimes totalitários e ditaduras. No Brasil mesmo, entre 1964 e 1985, havia um Congresso que não podia legislar, um Judiciário ao qual não era permitido julgar e um Tribunal militar que julgava civis. O Congresso podia ser fechado a qualquer momento, parlamentares eram cassados e tinham os direitos políticos suspensos por dez anos por expressarem opiniões. E as eleições para presidente, governadores e prefeitos eram decididas entre quatro paredes. Tinha até os chamados “senadores biônicos”. Vale pesquisar. Mas o único ministro militar que tentou se meter numa sucessão presidencial foi exonerado e tentou um golpe que não decolou.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: