Na mosca: Fachin mantém prisão de desembargadora baiana na Operação Faroeste

Este blog antecipou que logo após São João e São Pedro haveria novidades na Operação Faroeste. A primeira foi a decisão do ministro Fachin negando habeas corpus para a desembargadora Lígia Ramos que continuará a usar tornozeleira eletrônica. Tem mais gente na fila, mas todos torcem para que o ministro Og Fernandes, que é o relator da Operação Faroeste, assuma imediatamente a vice-presidência do STJ para que outro relator assuma o escândalo. O coro ainda vai comer.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: