A morte do ditador de Angola pode comprometer Emílio

Emílio Odebrecht era amigo pessoal do ex-ditador de Angola, José Eduardo, morto recentemente em Londres. Em Angola, a Odebrecht ganhou bilhões de reais e comprou tudo e todos, inclusive com apoio do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ocorre que há uma briga na família, já que a herdeira, a filha mais velha Tchizé dos Santos, que é bilionária e está foragida em Londres, quer mais dinheiro. Se explodir o escândalo, Emílio e Lula devem entrar.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: