O governo inglês pede a empresas aéreas que não vendam passagens

É tamanho o caos no aeroporto em Londres que, ontem, o governo inglês pediu às empresas aéreas que não vendam passagens durante esse período. O caos só faz crescer em quase todos os países da Europa, enquanto milhões de malas continuam perdidas e os aeroportos atingidos afirmam que as devoluções vão levar mais de um ano para acontecer.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: