Lula joga a toalha e quer casar

O ex-presidente Lula, entre os seus sonhos, não tem mais esperança de voltar à presidência da República. Quer se casar com Rosângela Silva, que conheceu através de uma amiga que trabalhava com ela na Itaipu Binacional. Ela tem visitado o ex-presidente na cadeia em Curitiba e este espera a oportunidade para pedir a sua mão em casamento. 

Haddad, o preferido

Lula determinou que o ex-prefeito Fernando Haddad volte a percorrer o país, já que ele continua sendo o seu candidato preferencial à sucessão presidencial. Ocorre que os adversários de Haddad preferem o governador da Bahia, Rui Costa, que até agora tem uma carreira invicta e não perdeu uma eleição. Haddad, quando prefeito de São Paulo, aproveitou para constituir uma rica carteira de imóveis, incluindo várias unidades no bairro do Paraíso, o seu preferido. Somente em um prédio na Rua Tomás Carvalhal, possui sete unidades fechadas.

Uma semana quente

A semana que hoje se inicia será quente no Congresso Nacional. A oposição quer instalar a CPI da Lava Jato justamente para destruí-la. O Senado, ao contrário, trabalha para que uma CPI da Toga não seja instalada. 

Coincidência ou não?

Justamente no dia em que explodiu uma operação da Polícia Federal na Bahia desbaratando uma quadrilha de desembargadores e funcionários que vendiam sentenças, a desembargadora Vânia Jacira Tanajura Chaves saiu de férias. O fato intriga porque ela também foi presidente da Casa e tem acusações contra ela.

Fundo eleitoral: uma vergonha

Quem achou muito R$2 bilhões ficará surpreso agora: a Câmara Federal quer aumentar para R$5 bilhões os gastos para as próximas eleições. O número de partidos atual já é absurdo: 39. Tem mais de 40 candidatos querendo instalar novos partidos. O doloroso é que o Congresso está de costas para o povo e mesmo o país em crise eles estão insaciáveis.

Novidades na Lava Jato

A prisão de Márcio Lobão no Rio vai trazer novidades maiores na Lava Jato. A revista Crusoé desta semana, em uma matéria extraordinária, mostra como o ex-ministro Edison Lobão e seus três filhos foram insaciáveis. Roubaram milhões de reais e, para se ter uma ideia, a coleção de quadros de Márcio Lobão é das mais caras que a Polícia Federal já apreendeu. Sem imunidade dificilmente ele sairá da cadeia antes de abrir o bico. A Polícia Federal já tem a relação de quem ele comprou e a quem ele vendeu quadros. É gente de todo Brasil, de Norte a Sul, de Leste a Oeste. A família tem aviões, lanchas, helicópteros mansões e apartamentos em todo país. 

Escândalo do TRT da Bahia chega a Brasília

Ontem, nos corredores do Tribunal Superior do Trabalho, o assunto era a operação do Ministério Público Federal e da Polícia Federal desvendando o maior escândalo de corrupção dentro do tribunal. O detalhe é que novos fatos vão ser revelados nos próximos dias, inclusive percentuais cobrados sobre decisões judiciais. Alguns advogados que já foram vítimas do próprio Tribunal Regional do Trabalho da Bahia têm procurado a Justiça e a Polícia Federal para fornecer maiores detalhes. A ex-ministra Eliana Calmon, quando no exercício do cargo, queria fazer uma sindicância no TRT. Foi impedida, mas o que aconteceu confirma as informações que ela tinha. O curioso é que na próxima semana chega a Salvador uma comissão no CNJ a fim de fazer uma inspeção no Tribunal de Justiça da Bahia. É provável que, diante deste fato, o CNJ tenha que fazer também uma inspeção no TRT, antes que a Polícia Federal e o Ministério Público Federal anunciem o que foi feito na Justiça do Trabalho da Bahia. 

Na mosca: Rui costa é candidato à sucessão presidencial e abre o jogo na Veja

O governador da Bahia, Rui Costa, é o entrevistado das páginas amarelas da Veja que desde ontem circula no país. Ele pede uma revisão de comportamento do PT e chega ao ponto de pedir que esqueçam o “Lula livre”. Rui está sentindo na pele que o PT está esfacelado e que se não houver uma mudança, o partido vai chegar ao fim a qualquer momento. 

Marcelo voltou à Odebrecht

Confirmando o que este site tem antecipado,  Marcelo Odebrecht assim que deixou a prisão domiciliar, foi visitar a sede da empresa em São Paulo. Ele quer voltar. O pai, Emílio, não quer. Nesta queda de braço Marcelo tem gordura já que ficou preso dois anos e meio e o pai nenhum só dia. A briga vai ser boa.

Dia 25 começa a empolgar

Fim de foro privilegiado, instalação da CPI da Lava Toga e o julgamento do impeachment de alguns ministros do Supremo, esta pauta, que vai reunir senadores novos no dia 25 às 14 horas na Praça dos Três Poderes e milhares de brasileiros, começa a empolgar. O curioso é que os três senadores da Bahia, Jaques Wagner, Otto Alencar e Angelo Coronel, não apoiaram e nem apoiam nenhuma das três teses que a população brasileira deseja. 

 

2018 passou, que venha rápido 2022

Se engana Bolsonaro achando ser o único capaz de vencer a quadrilha do PT. Ele vai demorar a entender que em 2018 ele foi o meio viável de derrotar a ORCRIM ao concentrar o voto útil anti-lulopetismo, simples assim, longe portanto de ser um líder combatente incontestável. Para proteger familiares, Bolsonaro se alinhou com a banda podre do STF, Centrão e condenados da Lava Jato rompendo seus compromissos de campanha de combate incansável da corrupção. Essa nova face afasta nosso presidente de qualquer pretensão de reeleição pois o peso do rótulo de traidor será insuperável. Incapaz de enxergar que o populismo rasteiro do mestre ilusionista Lula não elegeu o poste do PT, Bolsonaro repete essa estratégia suicida e caminha a passos largos para destruição do pseudo mito criado para vencer em 2018, sem chances em 2022.

Mocinho ou bandido?

Uma renomada produtora de filmes assinou um contrato para produzir um longa metragem sobre a vida do empresário Joesley Batista. Só resta saber se o destemido açougueiro goiano será apresentado ao grande público. Escolhido como um dos campeões nacionais da era petista, Joesley soube aproveitar como ninguém as benesses do BNDES para amigos de Lula.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: