Vale do Rolo

A venda bilionária de uma empresa de papel por figuras conhecidas do Rio de Janeiro e ligadas ao senador Aécio Neves para a Vale S.A. no final de 2018 deverá ganhar cada vez mais atenção e destaque na mídia brasileira, especialmente após a tragédia de Brumadinho. Na transação, segundo fontes ouvidas pelo blog, Aécio e sua turma do Rio embolsaram centenas de milhões de reais. A venda bilionária foi viabilizada graças à conivência dos fundos estatais controlados pelo ainda presidente Michel Temer e do Bradesco que, em conjunto, controlam a Vale. A ajuda de Fabio Schvartsman, presidente da Vale escolhido a dedo por Aécio, também foi fundamental.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: