XPirâmide II

Esquemas de pirâmide como o promovido por um dos maiores agentes da XP Investimentos assombram o mercado de capitais brasileiro há anos. No ano passado, um dos mais bem sucedidos fundos de desenvolvimento imobiliário do país, o Mérito FII, teve sua credibilidade arruinada por uma denúncia, que se provou falsa, de que o fundo efetuava práticas similares a de uma pirâmide. A denúncia “anônima”, segundo fontes de mercado, teria partido da XP Investimentos e teria como motivação prejudicar uma oferta subsequente do Mérito FII que, na época, estava concorrendo e prejudicando algumas ofertas lideradas pela XP que estavam no mercado. Após a denúncia, a CVM bloqueou durante meses a negociação do Mérito FII para desespero de seus mais de dez mil cotistas, muitos deles aposentados que dependiam dos rendimentos do fundo para sobreviver e que tiveram grandes prejuízos. Apesar dos incalculáveis prejuízos causados pela falsa denúncia contra o Mérito FII, até o último final de semana, CVM e XP continuavam impunes. Pelo visto, a XP tomou agora um pouco do seu próprio veneno. A diferença é que desta vez não se trata de apenas uma denúncia falsa.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: