Temer era a última esperança de Geddel

As prisões de Michel Temer e Moreira Franco enterraram as últimas chances de Geddel Vieira Lima fazer uma delação premiada com fatos novos para reduzir a sua pena. Nos corredores do Congresso Nacional ontem o que mais se ouvia é que o ex-governador Sérgio Cabral, o ex-deputado Eduardo Cunha e o ex-ministro Geddel Vieira Lima vão demorar muitos e muitos anos para sair da cadeia. Eles representam o que de pior existe do quadrilhão do MDB, agora com as prisões de Temer e Moreira Franco. Os fatos e as provas demonstrados pelo Ministério Público Federal e a Polícia Federal além da COAF, Receita Federal e bancos são mortais contra a quadrilha comandada por Michel Temer.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: