O prejuízo maior de Neymar é na Europa

O europeu é muito mais pragmático e racional que o brasileiro. Patrocinadores de Neymar já admitem a suspensão de contratos até o final do escândalo em que o jogador se envolveu. O lamentável disso tudo é que Neymar não aprende lições. Sem uma assessoria competente, o pai afundou o atleta nessa crise. Ontem foi a vez da irmã, apareceu aos prantos numa reportagem da Rede Record afirmando que o irmão é inocente. É preciso que alguém diga a esta família que o dano causada é irreparável e quem deve falar por Neymar são seus advogados e não ele. Até mesmo a CBF que não goza de prestígio e respeitabilidade, nem no país e nem no exterior, errou ao afirmar que apoia o jogador Neymar. O dano causado ao atleta no exterior é o mais alto e de difícil recuperação.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: