A CBF no mapa

Os novos deputados federais e senadores têm um sonho. Querem constituir uma CPI para abrir a caixa preta da CBF onde o seu presidente ganha R$350 mil por mês. O técnico Tite promove o jogador que a CBF quer, valorizando ou não o seu passe. Flamengo, Bahia e Atlético Paranaense estão dando demonstração de que têm bons dirigentes, têm finanças saudáveis, times de ponta e não querem nenhum acordo com a CBF. A ligação da CBF com o grupo Globo é também motivo de investigação. Depois da Lava Jato está na fila a Lava CBF.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: