Cabral assusta o Judiciário e PGR quer anular o acordo com o STF

Este blog sempre antecipou que o ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, tem provas e fatos contra juízes e desembargadores do Rio e ministros do Supremo Tribunal de Justiça em Brasília. Quando o relator da Lava Jato no STF, ministro Edson Fachin, homologa a delação de Cabral a Procuradoria-Geral da República quer anular o acordo e o assunto estava nas rodas judiciais desse final de semana em Brasília. O procurador-geral da República, o baiano Augusto Aras, começou a receber duras críticas. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: