Bolsonaro mente. Moro falou a verdade

De nada adiantaram as manobras palacianas para evitar que a Justiça tivesse acesso à reunião na qual o presidente Jair Bolsonaro ameaçou demitir o ex-diretor da Polícia Federal, o ex-superintendente da PF no Rio e até mesmo o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro. Os diálogos vazaram para os jornais e neles um Bolsonaro irritado, descortês e pornográfico ataca a todos. Ontem, os jornalistas do Estado de São Paulo e do Globo anteciparam o episódio e com isso cai a máscara de um presidente que é desmentido com os fatos narrados por Sérgio Moro.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: