Ministro do STF atende pedido de generais, mas exige gravação de tudo

O ministro do STF Celso de Mello atendeu aos pedidos dos generais Braga Neto, Luiz Eduardo Ramos e Augusto Heleno que pediram para depor terça-feira no Palácio do Planalto. Ocorre que os depoimentos serão gravados e filmados pela Polícia Federal e pela Procuradoria-Geral da República no processo em que o presidente Jair Bolsonaro ameaça demitir ministros, ex-diretor da Polícia Federal e ex-superintendente do Rio de Janeiro. O ministro não abriu mão das filmagens e da gravação. Igualmente, liberou para a AGU e para a PGR a gravação na qual Bolsonaro confirma o que antecipou Sérgio Moro. O curioso é que o governo pediu sigilo, mas foi a própria AGU que solicitou a gravação. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: