Afiliadas das redes de Tv entram em profunda crise

As emissoras afiliadas das redes de Tv Globo, Bandeirantes, SBT, Record e RedeTv recorreram ao governo para enfrentar a pandemia da covid-19. Fizeram cortes e demissões, colocaram seus funcionários para receber auxílio emergencial, mas a situação continua grave. As afiliadas não têm encontrado publicidade em seus estados, já que a crise se acentua. A Globo mantém Rio, São Paulo, Minas Gerais, Brasília e Pernambuco com suas emissoras próprias. Já as suas afiliadas, principalmente no Nordeste, não estão suportando a crise. A Globo é a que mais fatura enquanto Bandeirantes, Record e SBT têm recebido ajuda dos seus principais acionistas, mas não é suficiente. Novas demissões serão feitas, principalmente na Bahia, Alagoas, Sergipe, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba e Piauí. A crise é avassaladora.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: