Interesses contrários

O bloco parlamentar Centrão está em queda-de-braço com o general Eduardo Pazuello, interino do Ministério da Saúde, sobre critérios para a utilização da verba de R$10 milhões destinados ao combate à pandemia em municípios do país. O general cumpre ordens de só soltar o dinheiro condicionado a critérios técnicos, envolvendo população municipal e capacidade assistencial instalada. Já o Centrão que “só pensa naquilo” exige uma distribuição com critérios políticos. Ganha uma garrafa de licor de jenipapo quem adivinhar o vencedor da disputa.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: