Câmara e Senado querem auxílio emergencial já

Enquanto o presidente Jair Bolsonaro participa de solenidades no Palácio do Planalto, a Câmara e o Senado podem votar a qualquer momento a volta do auxílio emergencial. Ontem em Brasília, alguns senadores e deputados federais ficaram irritados quando numa solenidade palaciana o presidente dava gargalhadas enquanto a lista de mortos pela Covid aumenta no Brasil. Ele é o único presidente da República cujo país é atingido pela Covid que faz aparições públicas dando risadas. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: