Pela metade do preço

O senador baiano Jaques Wagner, recém-eleito presidente da Comissão do Meio Ambiente do Senado, entra na justiça exigindo explicações sobre a venda da Refinaria Landulpho Alves, em São Francisco do Conde, no interior da Bahia. “O governo precisa explicar à justiça se a operação está de acordo com as condições de mercado”, justifica o senador, exigindo maior transparência na aquisição da RLAM pela empresa Mubadala Investment Company, dos Emirados Árabes, pelo preço de R$ 8,9 bilhões, quando em valores de mercado estaria entre R$ 17 e R$ 21 bilhões. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: