Mercado de trabalho em crise

Pioraram as perspectivas para o mercado de trabalho brasileiro. O indicador de antecedentes de emprego medido pela Fundação Getúlio Vargas caiu 5,8 pontos em março, chegando a 77,1 – o menor nível desde agosto de 2020. Segundo a FGV, a queda do índice é resultado sobretudo do agravamento da pandemia do coronavírus. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: