A dupla de Lula

Ninguém tem dúvidas de que os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski fizeram, fazem e farão todos os esforços para que Lula seja candidato à sucessão presidencial em 2022. Ocorre que quem entende de política afirma que tal sucessão só vai entrar na reta final em abril de 2022, justamente quando termina o prazo de filiações. Até lá, quem tem dinheiro e poder compra pesquisa. Uma coisa é certa: o presidente Jair Bolsonaro desce a ladeira da impopularidade. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: