Mais pobre do que nunca

Como ensina o ditado popular, “a corda só arrebenta do lado mais fraco”, é o que foi sentido, mais uma vez, pela população da capital baiana. Pandemia a todo vapor, prejuízo geral na prestação de serviços, lojas e escritórios fechando, desemprego em todos os setores, auxílio emergencial reduzido… mas, a Prefeitura de Salvador arrumou um jeito de autorizar aumento das passagens de ônibus, agora R$4,40. Autoridades municipais alegam dificuldades dos empresários do setor às voltas com gastos dos insumos para os carros das empresas, além de aumento dos custos com folha de pagamentos de funcionários. O novo prefeito, Bruno Reis, desconhece as imensas dificuldades do povo para sobreviver. Já para os amigos proprietários de imensas frotas de ônibus…

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: