O nome certo era e é Ludhmila Hajjar

Na manhã do último sábado, a CNN realizou uma excelente entrevista ao vivo com a cardiologista intensivista Ludhmila Hajjar. Brilhante, ela deu uma aula sobre a covid e recebeu perguntas ao vivo de todos os estados brasileiros. Mostrou um conhecimento extraordinário e declarou como o Brasil poderia ter evitado a morte de quase 480 mil brasileiros até agora. Infelizmente, temos um presidente da República sem nenhuma cultura e muito menos bom senso. Ela é um dos quadros mais importantes, hoje, da medicina brasileira reconhecida, inclusive, internacionalmente. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: