Bolsonaro pede à CBF a cabeça de Tite

Na noite de sábado, o presidente Jair Bolsonaro pediu ao presidente da CBF, Rogério Caboclo, que logo após o jogo de amanhã, pelas eliminatórias da Copa entre Brasil e Paraguai, ele dispense o técnico Tite. Bolsonaro e seus filhos não perdoam o técnico da seleção brasileira que é contra a Copa América no Brasil. Ocorre que o presidente da CBF, Rogério Caboclo, pode sair a qualquer momento, já que é acusado de assédio sexual e moral contra uma funcionária da própria entidade. O padrinho dele, o ex-presidente da CBF, Del Nero, que foi expulso do futebol mundial pela Fifa, vem se movimentando para manter o afilhado à frente da entidade. Bolsonaro entra numa jogada perigosa, já que o futebol é paixão do brasileiro e ele dará azar ainda mais se Tite ganhar o jogo de amanhã, classificando o Brasil de maneira invicta nas eliminatórias da Copa do Mundo. A equipe de Bolsonaro acha que ele entrou numa rua sem fim ao se envolver com o futebol nacional. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: