Cortando empregos

Ignorando os efeitos da pandemia e dos decretos de seu controlador, o Estado de Minas Gerais, a estatal CEMIG continua cortando a energia de quem gera milhares de empregos. A última vítima é o Praça Uberaba Shopping, que ficou às escuras após mais um corte de sua energia na semana passada. O empreendimento abriga serviços públicos essenciais e gera cerca de 1.100 empregos diretos e pelo menos outros 3.000 indiretos. Pelo visto, o governador Romeu Zema (NOVO) esqueceu que precisará dos votos do Triângulo Mineiro para sua reeleição.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: