Na ação criminosa contra o auxílio emergencial chamam atenção os militares

O Tribunal de Contas da União e a Receita Federal estão assustados com milhares de militares do Exército, Marinha e Aeronáutica que sacaram indevidamente o auxílio emergencial. O Ministério da Defesa informou que iria descontar, mas como até agora não fez, a Receita Federal e o TCU estão fazendo checagem nas declarações de Imposto de Renda. É lamentável que neste momento difícil da vida nacional as forças armadas do Brasil estejam envolvidas em tamanho escândalo.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: