Na Bahia, o presidente Jair Bolsonaro quer a cabeça do governador Rui Costa na compra de respiradores e desvio no pagamento de auxílio emergencial

O presidente Jair Bolsonaro, nas últimas 48 horas, colocou o governador da Bahia, Rui Costa, como seu alvo preferido, e a sua tropa de choque na CPI da Covid tem feito de tudo para convocação de Rui e seu ex-chefe da Casa Civil, Bruno Dauster, que por sinal deixou o cargo durante o episódio. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: