Subprocuradora-geral da República cita Toffoli, Rui Costa e a mulher Aline na Operação Faroeste

A subprocuradora-geral da República Lindôra Araújo sustenta que o ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, desembargador Gesivaldo Brito, aconselhou a desembargadora Maria do Socorro Santiago a pressionar o governador Rui Costa para que ele intercedesse junto ao ministro do STF, Dias Toffoli, no processo que envolvia a quadrilha de desembargadores baianos. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: