Decisões perigosas II

Em Salvador, que vem desenvolvendo bem suas campanhas de vacinação, os gestores buscam cerca de 300 mil pessoas que tomaram a primeira dose e não retornaram para a segunda. A questão é que a Prefeitura já está divulgando um evento-teste show para o próximo dia 26 para 500 pessoas já vacinadas e seguindo protocolos, como um experimento prático visando reafirmar a decisão de realização de futuras festas de réveillon e carnaval. Mas, a variante Delta também pode atrapalhar os planos locais. Em tempo, no interior, a segunda maior cidade da Bahia – Feira de Santana – que também tinha programado um evento-teste semelhante à Salvador já voltou atrás. Cancelou os planos festivos e resolveu atender as recomendações médicas do governo estadual. Aliás, Rui Costa, governador petista, não quer nem ouvir falar de programação de festas por lá, por enquanto.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: