São Paulo corre atrás da Presidência

Tem 16 anos que São Paulo quer ter um Presidente da República. Foi assim nas duas eleições de Lula com José Serra e Geraldo Alckmin, e nas duas eleições de Dilma Rousseff com Geraldo Alckmin e o mineiro Aécio Neves, que tinha total apoio dos paulistas. Agora, seus principais órgãos de imprensa, O Estado de São Paulo, Folha de São Paulo, Rede Bandeirantes e até mesmo a revista Veja estão carregando Geraldo Alckmin e batendo de manhã, de tarde e de noite em Lula e Bolsonaro. O curioso é que todas as denúncias são feitas contra Bolsonaro e Lula. Quanto aos partidos, atolados na Lava Jato e cujos personagens tem fichas criminais, querem apoiar o petista e Bolsonaro, os dois merecem críticas veementes. Agora, Roberto Jefferson, Valdemar da Costa Neto, Ciro Nogueira, ACM Neto, Cesar Maia, Rodrigo Maia, Gilberto Kassab e outros estão com Geraldo Alckmin. Deixaram de ser bandidos e agora são mocinhos.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: