Elo perdido suíço

Na delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, fica cada vez mais evidente a participação do banco suíço Credit Suisse em diversos esquemas. Só a Justiça Federal e a Polícia Federal ainda não perceberam que o banco é o elo perdido entre os picaretas de Brasília e os da Faria Lima.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: