Faxina no Senado

O rato velho que conhecia como ninguém o esgoto da política brasileira não aguentou a correnteza de água limpa que inundou o Senado. Renan abandonou a batalha para presidir o Senado mas não a guerra. Nem mesmo a providencial ajuda de seu aliado no STF Dias Toffoli, que mais uma vez não mediu esforços na tentativa de eleger Renan, foi capaz de evitar a faxina. Toffoli consolidou sua imagem de baixa aderência à imparcialidade exigida de um Presidente do STF. Sem medir consequências de seus atos, ele conseguiu rasgar em menos de 24 horas seu imponente discurso de abertura dos trabalhos do STF em 2019. #Água Limpa STF Já.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: