Na mosca

Este blog teve oportunidade de antecipar, na semana passada, os resultados de dois fatos que desde ontem estão no noticiário político. O presidente Jair Bolsonaro perdendo as ruas na pesquisa nacional do Datafolha, enquanto o ministro da Saúde Luiz Mandetta é o grande astro com 55% de aprovação, o mesmo acontecendo com os governadores estaduais. O presidente caiu para 35%. Na pesquisa do Ibope, essa só em São Paulo, o nível de reprovação é mais alto que o de aprovação. O ministro Mandetta antecipou que as eleições municipais, marcadas para outubro, devem ser adiadas. Ontem, o presidente nacional do PP, senador Ciro Nogueira, foi mais claro e objetivo ao afirmar que a eleição sendo realizada daqui a dois anos o combate ao coronavírus ganharia mais 6 bilhões de reais. Outro detalhe importante é que a opinião pública quer saúde e não está preocupada com a eleição, muito pelo contrário, está muito revoltada contra a classe política. 

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: