Podia ser diferente

Revelação do médico João Gabardo, ex-coordenador do Ministério da Saúde, e atual linha-de-frente da saúde de São Paulo revela derrapada da OMS ao não dar relevância ao uso de máscaras no início da pandemia em todo o mundo. Por aqui, em reunião ministerial em Brasília, também tomou-se a decisão, incorreta, de não dar ênfase ao uso da máscara. A opção inicial impossibilitou criarmos uma barreira física que reduziria a possibilidade de transmissão mais precoce do vírus no país. Culpa de ninguém, pois o inimigo era desconhecido, mas foi, de fato, uma escolha errada das autoridades.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: