Tomou Doril

Aliás, após oito anos representando a Bahia no parlamento nacional, e mais oito como mandatário absoluto dos destinos da capital Salvador, está sendo estranhada a posição de “sujeito oculto” do ex-prefeito ACM Neto, distante mil léguas dos problemas enfrentados, diariamente, pelos soteropolitanos e baianos na guerra mortal contra a Covid-19. Neto está mudo desde o dia 2 de janeiro de 2021, após deixar o Palácio Municipal. Temas como vacinas em falta, ônibus superlotados, leitos hospitalares em pré-colapso, comércio fechado  e serviços suspensos e muita reclamação de artistas e donos de escolas não fazem mais parte da vida e da consciência do ex-prefeito. Como sempre, o “ex-soberano baiano” não gosta de ir em bola dividida.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: