Remédios importados

Uma ideia do tamanho do retrocesso em que o Brasil se encontra na produção nacional de insumos de medicamentos: nas décadas de 1980/1990 chegamos a produzir até 55% dos insumos de remédios consumidos pelos brasileiros. Por decisão equivocada de governos passados, em que se abriu o mercado internacional e não cuidamos de proteger as indústrias brasileiras, fomos reduzindo investimentos científicos até minguar para somente 5% do uso de insumos nacionais, deixando de fora até a fabricação de antibióticos, imprescindíveis para a saúde pública de qualquer nação, e que atualmente também temos que importar.

Os comentários estão encerrados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: